Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Fashion Rio 2007

por neves, aj, em 15.01.07
Photobucket - Video and Image Hosting

A foto ao ladonem se refere a qualquer tendência evidenciada na edição do Moda Rio quecomeçou ontem, antes retrata uma das preferências que se exibem pelas praias do Rio de Janeiro, e apesar de o cachecol e o gorro ainda atormentarem a mulher do outro lado do Atlântico aqui ficam algumas sugestões para o Verão europeu que está aí não tarda. Para os aficionados facultamos as ligações ao Fashion Rio 2007 pelo portalUOL e pelo ego, um blogue que se diz VIP espiolhando a vida das celebridades (espreite aí o ensaio de Galisteu,a ex-Roger Benfica, na Unidos daTijuca, a Escola de Samba mais portuguesa quese exibiu recentemente por terraslusas). 

Mas, em temposanoréxicos, o que realmente nos levou a fazer esta entrada foi dirigir o alertaàs jovens em idade de formação corporal e que aspiram ou que sonham a sermodelos, para os perigos dessa imperiosidade de ser magra que o "mundo damoda" determina... não pretendamos ser aquilo que a Natureza não reservoupara nós. É verdade que vós jovens não tendes culpa de ter caído nestemundo de vaidades, de famas e sucessos, em que parecê-lo é mais importante quesê-lo e em que a vertente interior do cidadão (afinal o que somos) é colocadode lado, mas tereis que ter força para saber dizer não ao que vos impõem asindústrias, os fotógrafos, os estilistas, a imprensa, as grifes e atéos próprios pais. Será que para desfilar numa passerelle é necessário mesmo sermagra, por vezes araiar o esquelético? É lógico que, neste tempos em que é moda valorizar aauto-estima, controlar a boca é um direito que assiste a qualquer um (uma) eque igualmente é um direito cada um (uma) procurar sentir-se bem com o seucorpo, mas lembrem-se que tudo deve ser feito sempre dentro dos parâmetros danormalidade e jamais devemos lutar obcecadamente contra a Natureza, porqueBunchen é Bunchen, é ela própria, como Campbell também o é, cadauma com a sua própria constituição que a Natureza, generosamente, seencarregou de lhes oferecer.

Quanto a nós,quem tem a responsabilidade, e a palavra, é a MODA, esse mundo tão belo quantoestranho que deveria saber (e querer) lutar contra todos esses gravíssimosproblemas (não só anorexia, bulimia, mas também depressões, contacto comdrogas) atravessados por muitos modelos, afinal meros peões de uma indústriafazedora de dinheiro. Parece que algo já está a ser feito no mundo em defesadeles, principalmente dos modelos femininos, e nesta edição Fashion Rio oproblema foi abordado logo na abertura e teráhonras de debatenum dos próximos dias.

Por um mundo damoda mais sadio...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:54




calendário

Janeiro 2007

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031