Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Feira de Sta Comba

por neves, aj, em 02.04.07

A minha intenção era apenas informar que a tua Feira Semanal ocupa novo recinto, mas tu já sabes que me perco quando falo de ti, porque

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket... aos pouquinhos de cada vez, te quero mostrar que jamais me esquecerei de ti ditosa Santa Comba e (também) te dizer que uma das minhas prioridades é projectar o teu  nome, enorme e maior que outro qualquer que se possa alevantar
... (também) aos pouquinhos de cada vez e em orgulhosa humildade de filho quero sempre enaltecer-te perante o mundo dando a conhecer-te pelo que realmente és num todo global e não apenas por este ou aquele facto
... (ainda) aos pouquinhos de cada vez é sempre meu desejo descrever e mostrar as tuas belezas e encantos, os outeiros e as encostas, os rios e as ribeiras, narrar passagens da tua história e cantar com enlevo emcrónica as figuras marcantes do teu quotidiano, gente humilde e anónima mas teus filhos, já que santacombadenses são todos aqueles que trouxeste no ventre ou que chegaram até ti e se aconchegaram no teu farto colo.

Sabes... hoje, enquanto almoçava, o carteiro trouxe-me uma prenda tua. Desnecessário será dizer-te que, contrariando as regras educacionais que recebi, tratei logo de arrumar um espaço à mesa para dar a primeira vista de olhos pelo teu Boletim Municipal desprezando assim e completamente as sobras do almoço de ontem, frango e batatinhas assadas acompanhadas por arroz branco e uma fresquinha salada de agrião, por sinal uma comidinha bem portuguesa, beirã, santacombadense... elas, as asas e as coxinhas, bem poderiam esperar quietinhas, ora, e o mais grave que lhes poderia acontecer seria transformarem-se novamente em sobejos, não achas?

Muito me encanta saber de ti, mas acredita que fico completamente enfeitiçado por te poder tocar com meus dedos e guardar-te religiosamente no móvel que sustenta o aparelho da televisão onde o teu Boletim Municipal toma assento ao lado dos exemplares do Defesa da Beira que, há uns tempos a esta parte, vou recebendo graças à amabilidade de um teu filho, meu irmão, também ele ausente em terras bem distantes do teu seio. Para dar ênfase ao que acabei de dizer recordo-te que a missiva tradicional em papel tem enormes vantagens ante os produtos das novas tecnologias já que ela pode chegar democraticamente a todo o lugar e a toda a gente e, no que a nós interessa, o teu Boletim e aquele semanário podem então circular em qualquer praça ou rua pelas mãos de alguns amigos que agora fazem parte do meu círculo de relacionamento. Conto-te isto porque espero que te sintas tão orgulhosa quanto eu por poderes ser conhecida e admirada aqui deste lado do Atlântico a oito mil quilómetros de casa não apenas e somente por um facto sonante ou mediático mas por tudo que as páginas daquelas publicações possam revelar.

Photo Sharing and Video Hosting at PhotobucketPhoto Sharing and Video Hosting at Photobucket</a>

Das novas que o carteiro me trouxe algumas de facto já não o eram, mas uma delas chamou-me a atenção lembrando-me logo que ainda não tinha colocado uma entrada a anunciar que a Feira Semanal tinha deixado, finalmente, de provocar o caos e já funciona no seu novo, e próprio recinto, e cuja beleza eu tenho orgulho em divulgar através de fotos que busquei na versão on-line do jornal bimensalVoz do Dão.
Antes de me despedir e já que estamos numa onda de divulgação, será importante revelar aos interessados, leia-se aos que por ti nutrem amor cara Sta Comba, que o teu Boletim Municipaljá navega pelas ondas da rede e que os visitantes do sítio oficial da nossa Câmara também têm à disposição três pequenosvídeos promocionais das tuas belezas. No entanto (é obrigação fazer o reparo) nota-se a ausência de um álbum de fotos que te retrate superiormente, apesar de que me parece que a denominada Galeria Multimédia (no Brasil, multimídia) ainda estará em desenvolvimento, assim parece provar a impossibilidade de acedê-la através do respectivo ícone.

Aquele abraço ditosa terra-mãe, abraço bem enorme que englobe todos os teus filhos, meus conterrâneos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:08




calendário

Abril 2007

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930