Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Outeirinho

por neves, aj, em 02.07.07
Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

"Mesmo estando inserido no centro urbano da cidade, continua fiel às suas origens de um local isolado, calmo e silencioso e proporciona um simples acto de reencontro com a natureza." in Voz do Dão

Com os pêlos aeriçarem-se envio agradecimento do tamanho do Atlântico ao Voz do Dãopor me ter oferecido uma viagem às origens. Também, porque seimpõe, declaro o meu reconhecimento às autoridades municipais pela preocupação empreservar (e alindar) um dos mais belos e carismáticos espaços da nossa ditosa cidade de Santa CombaDão.

O texto noticioso,agradavelmente bem elaborado, elucida-nos também que o painel de azulejos(colorido pelas cores do Município) é assinado por Rimary, uma artistasantacombadense que tão bem conhecemos e que um dia até nos facultou a entradano seu atelier de modo a complementarmos da melhor forma um artigo sobre o Painel Geomorfológico do Concelho que teve honras de publicação no semanárioDefesa da Beira. Registe-se que Rimary é igualmente a autora dareconstrução do painelque se encontravadegradado e que outrora embelezava o chafariz junto à Igreja, mesmo à entradade rua que dá acesso ao nosso Outeirinho. Incompreensivelmente envoltaem polémica, porventura por um dos motivos pictóricos do painel ser a Casaonde Oliveira Salazar nasceu, afirme-se alto e bom som que aquela reconstrução eraimperiosa, só tardou e só foi lamentável a não colocação das bicas deágua (não necessariamente funcionais) saídas de bocas de leão que em temposde antanho davam alma ao painel.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:19

Santa Comba no sapo.pt

por neves, aj, em 02.07.07

CLICARSoubemosda sua existência quando fizemos entrada dedicada ao nagozela.net e será mais um espaço a visitar para saber o que vaiacontecendo pela nossa terra natal, apesar de que ficámos um pouco frustradoscom o que encontrámos. É que em observação mais atenta à página, afinal ostítulos publicados não são propriamente novas e também eles não escondem aavidez por sangue e confusão que a Imprensa Generalista vem explorando há unstempos a esta parte... é o Museu ou Centro ou (agora) Casa... são os nacionalistas... osanti-fascistas...  é o serial killer... quando a nossa SantaComba tem muito mais para ser noticiado e divulgado.


Outros títulos, queaparentemente nos pareciam oriundos da redacção, são afinal ligações, links,a blogues alojados no sapo.pt (parece-nos) e deduzimos que afinal quem também constrói apágina serão outros como nós, nossos companheiros de lide e de luta queescrevem entradas relacionadas com Santa Comba. Surge aqui o lamento, o grandelamento, por o nosso Voz do Seven no sapo.pt não ser um espaço dedicado àterra onde nascemos e crescemos, antes sim um local onde escrevemos umaslarachas, umas piadas, mais na base da descontracção e diversão. É que,quando dedicamos atenção à nossa ditosa mãe-terra fazemos o destaque emespaço que nós consideramos mais nobre e que até já apelidámos de nossofilho miscigenado de todas as culturas, oVoz do Seven e sua extensão o Voz do Seven 2 onde precisamente nos encontramos.
Sem o intuitode promoção pessoal, antes sim de divulgação da nossa cidade de Santa CombaDão, estamos a pensar em estratégia de como levar os internautas fiéis aosapo.pt até aos nossos escritos sobre Santa Comba colocados em outro local (e já são muitos,acreditem). Sem muito espaço, leia-se tempo e dedicação, para estudar a mecânicados blogues do sapo.pt, um dia destes tentaremos já que divulgar Santa Comba épreciso.
Uma dasparticularidades da página,
Santa Comba nosapo.pt, é que podem ser anexadas fotos e uma curiosidadebem interessante é que a 8 mil quilómetros de distância podemos saber que nestepreciso momento a nossa santa terrinha está com 21 ° de temperatura e o céuapresenta algumas nuvens... levando tais informações em consideração ficamostambém a saber que na próxima Quarta-feira estará um dia de rosas com o Solraiando.
Digna de nota é notícia veiculada pelo
OHpositivo, que nos informa que a Associação Humanitária dos BombeirosVoluntários da nossa terra vão realizar no próximo dia 8 de Julho umaconfraternização de cicloturismo com o intuito de angariar fundos para aaquisição de uma TÁBUA DE MASSAGEM CARDÍACA. Louve-se a acção epublicite-se que as inscriçõesainda se encontram abertas.
CLICARPor últimofaça-se destaque a uma ligação que, confessamos, nos libertou um sorriso e que nos leva até ao LITERATURISMO, um blogue levezinho que diverte (e cultiva) com apanhadosfotográficos pelas ruas desse mundo afora. A razão de o Literaturismo terassento na página de Santa Comba Dão prende-se com um postpublicado e que nosmostra uma foto de um muro em Oeiras, localidade bem longe da Beira e bem pertoda capital, onde se pode ler em caligrafia legível tipo escola primária: SANTA COMBADÃO É A TERRA DO CABRÃO! 
Apesar deparecer mensagem ofensiva reparemos que ela se refere especificamente a um e umsó e achamos que tal divulgação só deveria ser levada em consideração se oecriba de rua tivesse aplicado o plural, quiçá inspirando-se na terra onde elepróprio nasceu e/ou reside. Quanto ao enigmático personagem, questão desomenos importância, cada um que faça a sua dedução.

Aquele abraço!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:39

MSN

por neves, aj, em 02.07.07

PUBLICAÇÃONa Terça-feirapassada escrevemos artigo a alertar para os perigos que podem advir de umautilização menos cuidadosa da internet. Dirigimos esse alerta em especial àjuventude e um dos programas que visámos foi precisamente o MSN –comunicadorpor excelência amplamente usado em conversas informais, o brasileiríssimobate-papo, mas também como instrumento de trabalho possibilitando o contactoentre funcionários da mesma empresa ou entre uma empresa e os seusclientes.
Ora nãoimaginávamos nós que passados 3 dias viesse a lume uma verdadeira broncaenvolvendo dois funcionários de um Cartório da cidade de São Paulo que virama sua conversa (informal, de bate-papo, maldizendo até dos seus superioreshierárquicos)
publicada no Diário Oficial do Estadode S. Paulo no meio a um despacho de um juiz. Considerámo-la a piada do ano eaté já estávamos a preparar (outra) entrada, que não exactamente esta vistoque de imediato foi noticiado que a intromissão da referida conversa no DiárioOficial não teria sido acidental, por descuido, antes sim forjada e lácolocada por funcionário invejoso que teria sido preterido em promoção por umdos visados na conversa.

Apesar de averdade já ter vindo ao de cima, aqui fica mais um ALERTA para os cuidados ater na Web
jamaisdivulgues as tuas senhas de acesso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:34




calendário

Julho 2007

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031