Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



quem é Pedro Guina

A opinião de PEDRO GUINA

A transferência escandalosamente milionária de Ronaldo

Há coisas que não se compreendem. O Real de Madrid pagou 94 milhões de euros pela transferência de Cristiano Ronaldo dum clube inglês para este clube espanhol, tendo sido a transferência mais cara da história do futebol.
Os valores são de tal forma exagerados que ninguém ficou indiferente. Quem demonstrou desde logo a sua indignação foi o Programa Mundial de Alimentação da ONU. No seu site oficial, um responsável de tal instituição fez as contas e percebeu que 94 milhões de euros serviriam para financiar 520 milhões de refeições escolares. Em tal site poderia ler-se “Podíamos usar essa verba para alimentar 6,8 milhões de bocas famintas na Etiópia, até final do ano. Precisávamos desse dinheiro neste momento, no Paquistão, onde teríamos condições para alimentar dois milhões de desalojados”, escreve Greg Barrow.
Valerá um simples futebolista tanto dinheiro?
Continuará o futebol a merecer ter estádios cheios quando fazem negociatas escandalosamente caras?
Continuará o futebol português a merecer respeito quando existem casos como os do processo "apito dourado"?
Tudo isto dá que pensar.

Pedro Guina
Advogado

www.pedroguina.blogspot.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:40

O problema é dor

por neves, aj, em 14.06.09

Existem muitas dores, umas mais dolorosas que outras, mas a de cotovelo será das mais severas podendo levar o pobre mortal a disparar críticas em todas as direcções e até, vejam bem, a tornar-se (falso) moralista para tentar encobrir o ciúme e a inveja que a mazela provoca. Contra ela não há  analgésico conhecido e só se vai atenuando com o passar do tempo. Dizem ainda por aí que teria sido nesta dor de cotovelo que o bom Povo se inspirou para criar a célebre expressão: quem desdenha quer comprar.

Photobucket

Atente-se bem que não estamos aqui a fazer concordância com os euros anunciados na transferência do CR7 para o Real Madrid (ao que consta passará a serCR9, pelo menos é já marca patenteada) nem sequer a partir em defesa do nosso compatriota, afinal o único que não tem culpa nesta transacção comercial que é uma verdadeira afronta à realidade que se vive no mundo e que só acontece por ganância da direcção ou directoria, que comanda aquele grande clube espanhol, ávida de lucros desportivos e financeiros. O que nos leva aqui a escrever é apenas fazer reparo às baboseiras lançadas por esses bocões de plantão da televisão desportiva brasileira que, nos respectivos programas, não largaram o pé "ao português". Que culpa tem ele? Então se fosse Messi, o (agora) amigo argentino, os quase 100 milhões de euros já eram bem empregues? Já deixava de ser afronta ao mundo? Ora batatas. E que provincianismo tão bacoco esse de comparar o gajo com o Kaká a partir dos valores gastos nas transferências. Pobre jornalismo. Mereça ou não mereça o dinheiro que resolveram esbanjar na contratação deixem a pessoa dele em paz (e o Povo a que pertence) já que os altos valores pagos (ou a pagar) são apenas fruto da imoralidade a que chegou a indústria futebol, afinal a hidra ou polvo que tanto defendem e que vão alimentando: criaram um monstro, domem-no agora.

A propósito. O gajo mexe tanto com o mundo que até o jornal electrónico espanhol Marca.com "rodopiou": 2.300.468 visitas no dia em que foi anunciada a sua contratação contra2.225.941 visitas no dia imediato à conquista da Liga dos Campeões pelo Barcelona. Quase setenta e cinco mil visitas a mais. Ademais, nesse dia do anúncio da transferência histórica tornou-se tarefa impossível entrar no Comunicado Oficial anunciado no sítio oficial do Real Madrid CF tanta que devia ser a procura.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:32




calendário

Junho 2009

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930