Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Benfica em Preto

por neves, aj, em 09.07.09

... ou, com mais propriedade, a Académica da Luz.

CLICAR PARA AMPLIARO Sport Lisboa e Benfica, ou simplesmente Benfica, é um dos históricos clubes de Portugal conhecido em todo o mundo mui principalmente pelos êxitos alcançados num passado, convenhamos, já um pouco distante, demasiado segundo alguns, de tal modo que as novas gerações só recordarão um ou outro título conquistado a espaços e a nível nacional. Felizes seremos nós, os cinquentões, que tivemos o grato prazer de conviver com Eusébio, Coluna, Simões e companhia e de vibrar com as conquistas europeias mui especialmente aquela Taça dos Campeões sobre o Real Madrid (de Di Stefano) dos célebres 5 a 3 que os nossos 7 anitos memorizaram de tal ordem que jamais as imagens televisivas se apagarão. Agremiação conhecida como "os encarnados", já que a camisola (camisa) tradicional é de cor vermelha, teve o clube da Luz a feliz ideia de para esta época de 2009/2010 que se avizinha escolher a cor preta para o equipamento alternativo (o considerado segundo uniforme).
Não restem dúvidas a quem quer que seja que a primeira vitória dos agora também negros da Luz já foi conseguida.
Simplesmente bela esta camisola que no entanto tem o seu lado menos belo, as costas. Registe-se ainda que tanto nos calções como nas meias, o preto é a cor dominante. Que nos perdoem os encarnados, mas apetece dizer que este (belo) equipamento os torna como que na Académica da Luz.
Como curiosidade, atente-se que a cor do equipamento alternativo, AMARELO (ironicamente quase verde), LARANJA e LILÁS, para a época 2010/2011 já se encontra em votação no sítio oficial do clube [clicar sobre a imagem].

Photobucket

Claro que só podem votar os associados (é pedida a identificação) e o prazo termina no dia 30 de Julho precisamente às 23:59 horas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:19

À Memória de Vasco Gervásio

por neves, aj, em 09.07.09

 

À MEMÓRIA DE VASCO GERVÁSIO

PhotobucketAssim se sente a hombridade
Assim se sente a rectidão,
Não é grande quem criou à sua volta sonoridade,
Que mais não passa de ilusão,
É grande quem legou à humanidade
A sua disponibilidade íntegra e a sua paixão.
Não é fácil entender o horizonte
E muito menos a sua diversidade,
Atravessar, mesmo que o perigo ameace fazer cair a ponte,
Subir a pulso com a ameaça pungente da adversidade,
Extrair água de uma seca fonte
E seguir em frente no caminho da lealdade.
Alguns homens são assim
Outros deixam-se cegar pela aparência,
Uns são dignos de rosas carmim,
Outros só os catos lhes restarão no fim da vivência,
Sentimentos excelsos como o odor do alecrim
No antagonismo do cheiro fétido da rabaça em florescência.
Camisola preta um hino há solidariedade
Dessa ACADÉMICA apanágio,
Escola de civismo e humanidade,
Foi ele grande exemplo no melhor adágio,
Merece a memória e o respeito de toda a comunidade,
Porque eterno será para todo o sempre o VASCO GERVÁSIO.

07.07.09
FILIPE BELO

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:59




calendário

Julho 2009

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031