Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Arte em publicitar

por neves, aj, em 03.08.09

... pilhas secas e cabeleireiro de senhoras são apenas duas amostras de cartazes publicitários feitos com muita arte para nos alegrar (e prender) os sentidos.

PhotobucketPhotobucket
clicar para aceder à apresentação de slides

Clicando em qualquer uma das imagens uma apresentação de slides PowerPoint permitirá observar outros exemplos tão criativos quanto estes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:18

Fascination

por neves, aj, em 03.08.09

... lá por serem porcos não quer dizer que não sejam fascinantes.
Verdade seja dita que até o são principalmente quando ainda leitões e nem merecem o nome de porcos, porque se andam sujos é culpa do humano que não lhes dá banho. Aliás o homem é bastante ingrato para estes animais que vivem para morrer, para oferecer em sacrifício todo o seu corpo que, grelhado, assado ou conservado em enchidos faz a delícia dos bons de boca. A ingratidão é de tal ordem que se chegou ao ponto de etiquetar a gripe que por aí circula com o nome da sua espécie, quiçá para justificar a incapacidade do homem em resolver o problema lavando assim as mãos como Pilatos: a culpa não é nossa... é deles!
Ora, ora!
Vai é sendo tempo, caros amigos e amigas, de o homem prestar o seu reconhecimento ao porco. De maneira alguma desejamos destronar o cão (a nossa 4patas nem nos perdoaria) mas porque não elevá-lo à condição de melhor amigo do estômago do homem?

Photobucket
clicar para aceder à apresentação de slides

Bom, adiante que se faz tarde. Resta dizer que esta terna e bela imagem dos dois recos e de outros animais do seu reino podem ser observados em apresentação de slides PowerPoint após clique na imagem e também observados emformato vídeo que é afinal uma conversão da dita apresentação. Em ambos os casos a trilha sonora é Fascination.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:02

Princesa do Lima

por neves, aj, em 03.08.09

Um clique na (bela) imagem leva-vos a (espectacular) apresentação de slides PowerPoint musicada a carácter pela voz de Amália entoando Havemos de ir a Viana. Já dará então para perceber que a apresentação se refere à cidade de Viana do Castelo, capital do distrito do mesmo nome localizado na região do Minho, norte de Portugal. Conhecida como a Princesa do Lima (afinal princesa do rio que nasce em Espanha, na Galiza, e desagua no Atlântico exactamente aos pés da cidade de que falamos, e cuja foz está bem documentada na foto publicada) auto-intitula-se como a capital do Folclore Português e as Festas em honra da Senhora da Agonia é evento sobejamente conhecido mesmo além fronteiras, estando nós em condições de afirmar de que é romaria merecedora de visita. [sítio oficial da Câmara Municipal]

Photobucket
clicar para aceder à apresentação de slides

Falámos de Amália Rodrigues e virá a propósito contar que descobrimos um pequeno tesouro em vídeo datado de 21 de Julho de 1987, fez 22 anos há poucos dias, onde canta, curiosamente, Havemos de ir a Viana. O interessante é que as imagens testemunham a passagem da fadista portuguesa pela cidade de São Paulo, mais propriamente pelos estúdios da emissora de televisão SBT no programa de Hebe Camargo, uma senhora da televisão que completou 80 anos no ido 8 de Março e que continua a apresentar o seu programa, chamado simplesmente deHebe.
Como se impõe deixamos-vos a ligação ao referido vídeo, mais que não seja para que o nosso amigo Domingos, homem de sessentas e proprietário de Banca de Jornais, filho de portugueses imigrados e fã incondicional de Amália (também irmão da nossa madrinha de casamento), não nos chame de português de segunda por não mostrarmos tanto apreço quanto ele pela voz da denominada diva do Fado, reconhecendo nós, no entanto, que Amália foi uma das maiores embaixadoras do país, mas que em verdadeiro paradoxo por aqui por terras brasilenses tem o seu quinhão de negatividade já que a sua grandeza (ainda) ofusca os novos talentos da música portuguesa entretanto surgidos e que por cá são completamente desconhecidos do grande público, exceptuando-se Madredeus e, um pouquinho, Dulce Pontes. Como costumamos dizer: Portugal não é só Jerónimos, Bacalhau, Pastéis de Belém, Fátima e Amália, é muito maior, só que carece de divulgação... a propósito de divulgação, leiam este pequenopost ou entrada do nosso amigo Santos Passos o homem que renasceu em Trás-os-Montes!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:23




calendário

Agosto 2009

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031