Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Vaticano e a morte de José Saramago

por neves, aj, em 24.06.10

quem é Pedro Guina

A opinião de PEDRO GUINA


O Vaticano e a morte de José Saramago

Saramago partiu e vai deixar saudades. Controverso, como sempre foi, frontal e directo, Saramago sempre denunciou a fúria do capitalismo e a exploração do homem pelo homem, bem como os falsos profetas que julgam ser os donos da verdade.
No dia da morte deste grande escritor e pensador, houve uma atitude que me repugnou, para não dizer outra coisa: a atitude da igreja católica. Saramago denunciou muitas vezes as "trapalhadas" da igreja católica, o que lhe trouxe grandes dissabores emanados daqueles que não admitem qualquer crítica, simplesmente por julgarem serem donos da verdade. No dia da sua morte, esperava-se da igreja católica uma palavra de, pelo menos, respeito, pelo prédio Nobel. Mas não. O diário do Vaticano publicou imediatamente uma crónica onde apelidou Saramago de "extremista" e "populista". Francamente. Esta atitude só mostra raiva por parte de tal instituição. Esses senhores que tanto apregoam o perdão, não perderam a oportunidade para mostrar publicamente a sua raiva. Mas haverá gente mais extremista e populista que esta? Não foi esta gente responsável pelos crimes da inquisição, que queimaram inocentes vivos? Não foi esta gente responsável pelas cruzadas? Não foi esta gente que perseguiu judeus? Não foi esta gente que impôs a sua religião aos indígenas das colónias? Não foi esta gente que chamou hereges aos Beatles? Não é esta gente que tenta encobrir pedófilos? Não é esta gente que é contra o uso de preservativo, apesar de a sida alastrar em tantos países? Não é esta gente que vive em palácios talhados a ouro? Na verdade, já não há paciência para tamanha radicalidade.
Francamente, leio com mais gosto um livro de Saramago do que uma página que seja de qualquer obra de Bento XVI.

Pedro Guina
Advogado

www.pedroguina.blogspot.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:46





calendário

Junho 2010

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930