Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



CR e a lesão

por neves, aj, em 30.03.08

Photobucket... a enigmática lesão de Quarta-feira que o retirou da Selecção Portuguesa, mas que, paradoxalmente, lhe permitiu ontem rubricar  uma exibição de encher o olho, o estádio de Old Trafford e as televisões de todo o mundo.
Claro que ficámos contentes com a exibição do "menino", mas fica a interrogação: afinal, Cristiano Ronaldo sofria na verdade de lesão impeditiva de defrontar a Grécia ou Fergusson e Queiroz já metem o bedelho na Federação Portuguesa de Futebol?
É certo que o desafio frente à Grécia era a feijões e até compreendemos que a equipa inglesa está ao ataque em várias frentes e com sobrecarga de jogos, mas que Madail e Felipão nunca se esqueçam do prestígio luso a defender e, acima de tudo, que jamais se subjuguem à vontade de um clube de futebol, chame-se ele Cascalheira Futebol Clube ou Manchester United.
A dúvida (e a desconfiança) quanto à lesão é um direito que nos assiste, mas de qualquer modo não é impeditiva de enaltecermos a portentosa exibição realizada ontem pelo nosso eterno miúdo nascido há 23 anos (5 de Fevereiro) na encantadora Ilha da Madeira onde já na altura reinava D. Alberto João. Em vitória por 4-0 Cristiano Ronaldo marcou um golo, golo genial por aqui chamado "de letra", e fez três assistências para golo. Por outras palavras, esteve em todas, neste caso em todos os golos marcados pelos red devils. Realmente não está ao alcance de qualquer um e merece ser cantado como feito, mas para que não nos acusem de nacionalismo exacerbado ou chauvinistas remetemos-vos para o portal brasileiroGloboesporte.com que tece largos elogios ao jovem craque (ao contrário douol.com.br que nos dá, provavelmente por má digestão, crónica insossa sem enaltecimento à exibição) e logo no início nos diz: "... após cobrança de escanteio, o ‘gajo’ aproveitou o bate-rebate na área e, com um toque magistral de letra, abriu o placar". Sinceramente que gostámos desta do gajo, é identificativa, e se na crónica ainda lhe tivessem aposto um ‘pá’, melhor ficaria, ora pois.
Ainda na página do referido portal o leitor tem acesso a um vídeo dos quatro golos do desafio em que o Manchester venceu o Aston Villa, mas nós levámos esse vídeo para entrada no Voz sapo.pt e fizemo-lo acompanhar de mais dois, estes passíveis de serem copiados e guardados pelos leitores.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:17




calendário

Março 2008

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031