Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Digestão de sapos

por neves, aj, em 30.08.10

... evitando descer prematuramente ao inferno das chicotadas [exoneração], Jesus, às vésperas do desafio com o Setúbal, viu-se na obrigação de engolir o primeiro e já épico sapo da época futebolística portuguesa [reconhecer o erro da titularidade dada ao seu protegido Roberto] e colocar Júlio César na baliza do Benfica. Curiosamente este homem com nome de imperador dos romanos que crucificaram o Jesus de há dois mil anos, resolveu dar uma ajudinha ao seu Jesus e fazer uma besteira de todo o tamanho: [atabalhoadamente] provocou uma penalidade máxima com inevitável expulsão do terreno de jogo e entrada do abominado Roberto que aquecia as tábuas do banco de suplentes.

 Photobucket
clicar para aceder a vídeo - aqui ficha do jogo [3-0]

Fosse porque tinha que ser ou porque os deuses da fortuna deram uma ajudinha [afinal Jesus tem nome de divindade] o mal-amado Roberto espalmou o [denunciado] pontapé de um Hugo formado há uns anos nas camadas jovens dos benfiquistas mas que segundo estes não terá sido muito leal para com a casa e fez novamente brilhar a áurea do Jesus treinador que, cremos, ainda teria ido a tempo de evitar a digestão do sapo engolido e conseguido expulsá-lo em vómito de raiva e de vingança. Com o anuro novamente em liberdade fica agora a dúvida se Jesus terá que um dia [re]engoli-lo já que tudo indica lhe dará outra vez a titularidade da baliza encarnada ou se terão que ser os milhares [quer dizer milhões] de apressados adeptos torcedores a terem que engolir este verdadeiro sapão chamado Roberto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:11




calendário

Agosto 2010

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031